Aprovado na CTASP, projeto do deputado federal Cabo Sabino, que amplia para 25% as vagas para mulheres nos concursos públicos, na área da Segurança Pública

Aprovado na CTASP, projeto do deputado federal Cabo Sabino, que amplia para 25% as vagas para mulheres nos concursos públicos, na área da Segurança Pública

Projeto de Lei do deputado federal Cabo Sabino, que amplia para 25% as vagas para mulheres nos concursos públicos, na área da Segurança Pública foi aprovado, nesta quarta-feira (12), na Comissão de Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público (CTASP), na Câmara Federal.

“Quando apresentamos esse projeto, não pensamos apenas em contemplar a mulher, mas na questão técnica da segurança pública. A maioria das viaturas policiais é composta por quatro pessoas, o ideal é que tenha sempre uma mulher. Haja vista que, muita vez, em uma abordagem, se tiver uma mulher, o policial não pode revistar”, pontuou Cabo Sabino.

De acordo com o deputado, nos estados são destinadas para as mulheres, apenas 5% das vagas. “Hoje, 52% da população é constituída por mulheres, elas acabam sendo tolhidas dos seus direitos para concorrer de igual modo com os homens”, frisou.

O parlamentar pontuou ainda que, tecnicamente, o projeto é viável e meritório. “Recentemente tivemos no Ceará, um problema com os agentes penitenciários. Das 1.000 vagas ofertadas, apenas 5% era para as mulheres. Um absurdo! Na maioria das instituições penitenciárias, se tem visitas as quartas e domingo, quem faz essas revistas? Tem que ser as mulheres. Não sei por que a razão dessa resistência com as mulheres na segurança pública”, finalizou.

A matéria segue agora para a Comissão de Constituição e Justiça da Casa.

Comentar